siteccer_cover03.jpg
 

Quem somos

Fundado em 18 de novembro de 2016 pelo psicólogo Antônio Vitor, o Centro Cultural Eliziário Rangel (CCER) é uma instituição sem fins lucrativos de arte e cultura na cidade de Serra. Equipado com teatro, galerias, biblioteca, sala de audiovisual, café-bar, área de convivência e um mirante com vista panorâmica para a cidade, o CCER é o primeiro e único empreendimento do gênero na cidade de Serra. É batizado com o nome do líder negro abolicionista da Revolta de Queimado e recebe, em cada um dos espaços da instituição, nomes de outras personalidades pretas do Queimado como forma de preservar a memória das insurgências da cidade. A instituição tem o compromisso com a promoção, difusão e democratização de ações artísticas e culturais na sociedade serrana e capixaba e desenvolve atividades continuadas sempre com a perspectiva de acessibilidade e do senso critico à realidade.

67481157_2388987724677858_10038419742869
 

História

Ocorrida em 19 de março de 1849, a Insurgência do Queimado foi um marco na luta abolicionista no Brasil Império escravagista. Apontada por vários pesquisadores como a principal revolta do povo negro escravizado em solo capixaba, a Insurgência aconteceu na cidade de Serra, mais precisamente no distrito do Queimado, que batizou à Revolta. Seus líderes e ícones batizam os espaços da nossa instituição, que é batizado pelo nome do Zumbi da Serra, o Eliziário Rangel. Sabemos que uma revolução não se encerra quando ela acaba e, justamente por isso, um dos pilares da nossa instituição é a preservação da memória e das chamas acessas do Queimado nos tempos atuais.

Constitui o Centro Cultural Eliziário Rangel:


• Teatro Eliziário Rangel

• Galeria Benedita Torreão;

• Beco Chico Prego (Galeria ao ar livre)

• Biblioteca Carlos Peito de Homens

• Escadaria Queimado

• Café-Bar João da Viúva

• Praça 849

• Terraço São José

• Mirante Das Almas

• Residência Artística Roda D'Água

• Sala Ayo

queimado4-2.jpg
 

Missão, visão e valores

 
sitephoto01.jpg

Missão

Promover, difundir, multiplicar e democratizar o acesso à ações artísticas e culturais na sociedade capixaba.

Visão

Ser uma instituição cultural de referência na intersecção de linguagens artísticas e culturais, democratizando o acesso a bens culturais à sociedade capixaba.

sitephoto02 copy.jpg
60356760_2338459909730640_46792858616138

Valores

Consciência social, democracia, diversidade, pluralidade, liberdade, autonomia, respeito, conhecimento e responsabilidade.

Equipe

EQUIPE ADMINISTRATIVA

Antônio Vitor – Diretor 

Geyamara Martins – Coordenadora Financeira

Silvani de Almeida – Coordenadora da Biblioteca

Joana Darc – Coordenadora da Residência Artística 

Sergio de Paula – Comunicação Visual

Marlene – Limpeza 

Contabilidade – Singular Contabilidade 


EQUIPE ARTÍSTICA

Ringley Bueno – Oficineiro de Capoeira 

Gabriela Nascimento – Oficineira de Circo 

Alanna Olívia – Oficineira de Ballet 

Ronald Alves – Oficineiro de Teatro 


GRUPOS RESIDENTES

Grupo Candeeiro de Teatro 

Impropria Trup Teatral 

Associação São Salvador de Capoeira e Cultura 

Coletivo Grão de Areia de Circo

90318271_2603390753237553_91967210217537
 

Apoiadores

sitelogo01.jpg
sitelogo02.jpg
sitelogo03.jpg
 

Fale com o CCER

R. Humberto de Campos - São Diogo I, Serra - ES, 29163-242, Brazil

(27) 3051-0835

cover05.jpg